We are apologize for the inconvenience but you need to download
more modern browser in order to be able to browse our page
5 de agosto de 2011

Poema em linha reta – Fernando Pessoa

Nunca conheci quem tivesse levado porrada.
Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo. (mais…)

1 de fevereiro de 2011

Mundo grande

Não, meu coração não é maior que o mundo.
É muito menor.
Nele não cabem nem as minhas dores.
Por isso gosto tanto de me contar.
Por isso me dispo,
por isso me grito,
por isso freqüento os jornais, me exponho cruamente nas livrarias:
preciso de todos. (mais…)

20 de julho de 2010

Poesia para as tardes frias

O  amor antigo vive de si mesmo,
não de cultivo alheio ou de presença.
Nada exige, nem pede. Nada espera,
mas do destino vão nega a sentença. (mais…)

Top
LOADING CONTENT